AffonsoRitter.com.br
 
 
Última atualização às:
22:47 - 26/05/2018
Página principal com destaques Destaques
Confira todas as notícias Notícias
Confira nossa NewsLetter NewsLetter
Saiba quem é Affonso Ritter Quem é ?
Entre em contato Contato
Seção Empreendedores Empreendedores
Seção Amantes do Vinho Amantes do Vinho
Dicas de Links Dicas de links
 
BRDE
Banrisul Consignado INSS
SICREDI
GBOEX
Intelig?ncia em Tecnologia da Informa??
 
Agência rebaixa nota do Brasil

A agência de classificação de risco Standard & Poor?s rebaixou o rating soberano do Brasil nesta quinta-feira (11) de BB para BB-, três graus abaixo do grau de investimento. A perspectiva passou de negativa para estável. Em nota, a agência diz que há grande incerteza relacionada à próxima eleição no país. Segundo a S&P, será muito importante ver o quanto o próximo governo poderá fazer para lidar com questões fiscais e de crescimento muito sérias. O Brasil agora está classificado no mesmo nível de países como Bangladesh e República Dominicana. A notícia do rebaixamento da nota de crédito do Brasil já era esperada pela equipe econômica. Manter a nota do país era considerado missão difícil por causa do adiamento da votação da reforma da previdência no Congresso Nacional. A expectativa é de que outras agências sigam o exemplo se não houver uma sinalização forte de que a reforma pode ser aprovada pelo Legislativo. A preocupação agora é com impacto na cotação da moeda americana. Mas, no exato momento em que a Standard & Poor's anunciava o rebaixamento da nota de crédito do Brasil, Henrique Meirelles comemorava, no Twitter, a publicação de uma matéria no Financial Times sobre o aumento de 46,5% na exportação de carros. Os técnicos devem acompanhar os desdobramentos da notícia no mercado financeiro nesta sexta-feira (12). De acordo com a S&P, apesar dos vários avanços da administração Temer, "o Brasil fez progressos mais lentos do que o esperado na implementação de medidas para corrigir de forma significativa a deterioração fiscal estrutural e o aumento dos níveis de endividamento".

Incluída em: 11/01/2018 - 21:32

VoltarVoltar

 
  22:47 - A situação do Salgado Filho
  22:19 - 37 inquéritos sobre locaute
  22:15 - Decreto de requisitar bens
  06:36 - O WhatsApp na mobilização
  06:30 - Uso de táxi compartilhado
  06:25 - Entidade pede desbloqueio
  06:20 - Liminar do STF acata pedido
  06:16 - Decreto libera uso das Forças
  16:46 - Ciergs ingressa na Justiça
  16:12 - Coleção de jeans reciclado